31 de dez de 2013

Hello 2014

Nos 45 minutos do último tempo, aqui estou eu. Por motivos técnicos não fiz este post ontem, e infelizmente muitos leitores não irão vê no dia 31, mas mesmo assim, não podia deixar de passar aqui e dá os meus devidos votos de fim de ano!


Para mim apesar das alegrias que o blog e vocês me deram, 2013 não foi um ano muito bom, foi um ano meio triste, meio mais ou menos, com poucos amores e amigos verdadeiros, com pouco dinheiro, com pouca presença de Deus, com raras novidades boas e com minimas oportunidades vistas aos meus olhos de ser feliz. Mas como eu cheguei até aqui, foi um ano com muita saúde!

Desejo para 2014, tudo que 2013 não cumpriu, quero é ser feliz e passar está felicidade a quem estiver ao meu redor, quero que 2014 me faça esquecer 2013 e suas frustrações, seus males e suas desavenças. Quero um 2014 farto, farto de todas as coisas que eu sitei que foram poucas, quero coisas novas, povo novo, vida novo, ano novo, roupa nova, quero me renova! Pois o ano começa dentro da gente!

2013 me apresentou muitas pessoas, maaaaas, 80% são falsas com a minha pessoa. Se eu quero que 2013 as leve com ele? NÃOOOO, eu quero é que 2014 as renove, pois infelizmente ou não, muitas delas eu tenho um apreço muito grande, e não as quero longe, as quero com as suas amizades, mas, as  VERDADEIRAS por mim! Mas mesmo assim, obrigado pelos 20% 2013 e pelas as alegrias que você me deu!

Quero menos eu e mais nós, quero mais alegria e compaixão, quero ser feliz toda vida, venha 2014 e me surpreenda. Me renove outra vez! 2014 que comece os seus trabalhos hoje mesmo, pois você terá muitos trabalhos!


FELIIZ 2014 PARA VOCÊS, MEUS AMOOOORES!
E que eu encontre você aqui em 2014.
Atée!

0 comentários:

Postar um comentário

 
Caso sua foto seja publicada no blog, entre em contato e eu terei o prazer de dar os devidos créditos.
Este site está sob a licença Creative Commons CC BY-NC-SA 2.0: você pode redistribuir e adaptar o conteúdo contanto que credite a autoria e distribua o resultado sob a mesma licença.
Uso comercial requer autorização.