25 de ago de 2013

Espaço da Rô: Sentir para ser.

Sentir para ser


Existia medo de estar só e dependência de opiniões.  Ela tinha a quem recorrer quando precisava de um abraço ou esquecer incômodos. Não sabia que ignorando problemas ela os alimentava, tornando-os maiores. Não queria refletir sobre suas decisões para não se culpar das consequências que viriam. Se desorientou no meio de suas certezas, incertezas, mentiras. Correu tanto que caiu. Perdeu seus apoios. Se afogou no próprio medo.

Resolveu que não tinha o que fazer - era ela, sua voz, um violão e as palavras.  Precisou criar o caminho com suas próprias decisões. Ela o começou. Enxergou novas companhias, respirou novos ares, criou outros amores. Vestiu-se de esperança após notar que devia isso ao próximo. Mostrou seus gostos e foi apresentada a canções que a faziam sentir. Viu que não podia perder o que a tinha tornado tão autêntica de novo. Era filha das artes e agora sabia que precisava respirar solidão de vez em quando. Precisava ser para si antes de se ser para o mundo, universos particulares aos quais ela traria toda a essência de sua entrega.

“São águas passadas, escolha uma estrada e não olhe, não olhe pra trás…

Roberta é a nossa colaboradora aqui no blog, a nossa futura jornalista que adora doces, ela tem um blog super novinho, vá até lá e aproveite os textos dela aqui. Para saber mais sobre a Rô clique aqui pois ela deixou um recardo para você!

3 comentários:

  1. Passando para conhecer o blog.
    Parabéns pela colaboradora, a Roberta escreve muito bem, merece fazer parte deste blog.
    Estou seguindo seu blog para acompanhar as atualizações e sempre que puder fazer uma visita.
    Abraços

    http://reaprendendoaartedaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada fernanda ! Ai que ótimo ler isso hehe <3 beijinhoss

      Excluir
  2. Olá,flor,vim fazer uma visita para trocarmos figurinhas!!!Espaço lindo e aconchegante,ameiii...
    Seguindo!!
    EVEG
    http://melanciaeve.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

 
Caso sua foto seja publicada no blog, entre em contato e eu terei o prazer de dar os devidos créditos.
Este site está sob a licença Creative Commons CC BY-NC-SA 2.0: você pode redistribuir e adaptar o conteúdo contanto que credite a autoria e distribua o resultado sob a mesma licença.
Uso comercial requer autorização.